Banner
Notícias » OAB pede apoio para o Judiciário
15/06/2011

Entidade acredita que só com a ajuda de lideranças será possível ampliar o Fórum e trazer a Vara da Fazenda

      Deputados estaduais da Frente Parlamentar do Alto Tietê fecharam um pacto com a sociedade mogiana para impedir a instalação do aterro sanitário da Queiroz Galvão no distrito do Taboão, em Mogi das Cruzes. Eles também prometem pressionar o secretário estadual de Meio Ambiente, Bruno Covas, que autorizou a realização de uma audiência pública sobre o projeto da empreiteira, marcada para o dia 21 de junho, no Bunkyo. O prefeito Marco Aurélio Bertaiolli (DEM) também será pressionado a declarar qual é o posicionamento do município em relação ao empreendimento e definir ações práticas para barrar a instalação do aterro. Os vereadores pastor Carlos Evaristo (DEM), Osvaldo do Mercado (PPS) e Jean Lopes (PC do B) ficarão responsáveis em protocolar uma moção aos deputados estaduais pedindo intervenção dos parlamentares para uma reunião com o governador Geraldo Alckmin (PSDB).

Ontem, em solenidade na Câmara, que marcou a retomada da Frente Parlamentar Contra o Aterro, lideranças políticas de Mogi e região se reuniram para discutir soluções para o lixo. Entre as prioridades, foi proposta a elaboração de uma Política Municipal de Resíduos Sólidos para a cidade. "A Política Nacional de Resíduos Sólidos já determina que cada cidade discuta o tema, e Mogi e as cidades da região estão em descompasso em relação ao cumprimento desta lei", disse o presidente da OAB de Mogi e integrante do "Movimento Aterro Não", Marco Soares.

A deputada estadual Heroilma Tavares (PTB) também defendeu a causa. "Estamos vivendo um problema gravíssimo em Itaquá e não quero que isso se repita em Mogi. Vou levar este assunto para pauta com o secretário de Meio Ambiente", informou a parlamentar, que terá uma reunião com Bruno Covas no próximo dia 12.

O deputado Alencar Santana Braga (PT) foi enfático: "Precisamos pressionar o prefeito de Mogi para que se manifeste claramente a respeito do aterro. Nas audiências que participamos, só vi discurso e poucas ações ou algo concreto", destacou.

Uma máquina de reciclagem de lixo nomeada de "tiranossauro" foi apresentada como alternativa pelo deputado Luiz Carlos Gondim (PPS), mas a tecnologia só resolve 50% do problema da destinação dos resíduos.

Os demais detritos precisam de outro dispositivo de destinação, e foi descartado pelos participantes da audiência como uma saída viável.

Fonte: Mogi News

OAB - Ordem dos Advogados do Brasil - 17ª Subseção Mogi das Cruzes
Av. Cândido Xavier de Almeida e Souza, 175 | CEP: 08780-210
Mogi das Cruzes | SP | 11 4799.2988 | 4798.1744 | 4799.3037

© 2016 Copyright - Todos os direitos reservados